Aplicações da Face Liveness

O uso de novas tecnologias mudou o modo como nos relacionamos. Nessa mudança, buscamos constantemente formas mais práticas, ágeis e seguras de realizar as tarefas diárias.

Devido a essas características, o reconhecimento facial tem ganhado destaque. Afinal, o recurso torna a validação de identidade eficaz e rápida, sem a necessidade de contato, toque ou recordação de senhas difíceis, bastando que o usuário direcione sua face para a câmera.

Dessa forma, o sistema consegue fazer a leitura de pontos faciais do indivíduo, de modo eletrônico. Porém, como garantir que os traços identificados são realmente do usuário ou apenas uma foto utilizada por alguém, que queira fraudar a identificação?

Para isso, é possível contar com a Face Liveness, que torna a biometria facial mais segura e assertiva, completando a tecnologia de reconhecimento facial. Quer saber como? Veja nos tópicos que separamos:

  • O que é a Face Liveness e quais as suas aplicações;
  • Categorias da Face Liveness: ativa e passiva;
  • Benefício dessa tecnologia.

O que é a Face Liveness e quais as suas aplicações

Como em todos os métodos, pessoas mal intencionadas buscam formas de burlar a identificação feita, através do sistema de reconhecimento facial. Para isso, podem utilizar artifícios como máscaras, vídeos ou fotos no intuito de fraudar a biometria.

Nesse contexto, a Face Liveness ou prova de vida, garante que, ao utilizar técnicas de spoofness, não sejam validados na identificação. Isso porque, a Face Liveness é uma tecnologia que vai além da simples detecção de semelhanças entre a imagem recebida e os dados do sistema.

Com ela, o reconhecimento é feito através de algoritmos, que diferenciam as características individuais das cópias ou reproduções, em tempo real.

Dessa forma, a Face Liveness consegue combater fraudes de identidade, avaliando se é mesmo o usuário que está, naquele momento, realizando a ação.

Categorias: ativa e passiva

O reconhecimento facial com a Face Liveness pode ser feito de duas maneiras: ativo ou passivo. É possível utilizar as duas formas separadamente, mas podem garantir ainda mais eficiência se usadas juntas. Veja as características de cada uma:

Active Face Liveness

Na prova de vida ativa, o sistema solicita que o usuário realize ações específicas, como sorrir, piscar ou movimentar o rosto.

Essas solicitações são feitas com base em ações, que não podem ser simuladas por recursos fraudulentos.

Passive Face Liveness

Já a prova de vida passiva, não solicita que o usuário realize interações, pois a segurança da biometria é garantida por algoritmos específicos, capazes de detectar micro variações de angulação e iluminação.

Assim, o sistema captura os dados biométricos da face com extrema qualidade, impossibilitando o uso de fraudes.

Benefício dessa tecnologia

Inegavelmente, o principal benefício da Face Liveness é a segurança na validação do acesso. Esse método ajuda a impedir qualquer tipo de cópia, utilização de imagens, máscaras ou vídeos. Além disso, não torna possível vazamento de senhas, visto que exige a presença do usuário.

Outro ponto, muito relevante, é que o reconhecimento facial, com a Face Liveness, possibilita o acesso com tecnologia de proximidade. Isto é, sem contatos com superfícies ou pessoas, o que atende a demanda do cenário pandêmico que enfrentamos.

Por fim, essa é uma forma de garantir a melhor experiência para o usuário, pois evita problemas com esquecimento de senhas ou criação de combinações complicadas. Sem falar que a validação é prática e rápida.

Agora que você já sabe como o reconhecimento facial se torna seguro com a Face Liveness, forneça tecnologia de ponta com esse tipo de identificação. Fale conosco e assim, conheça as soluções da Gryfo para sua empresa.

Originally published at https://gryfo.com.br on June 29, 2021.

Inteligência em Imagens | Vídeos Analíticos | Controle de Processos

Inteligência em Imagens | Vídeos Analíticos | Controle de Processos